Deus é para nós refúgio e força

Deus é para nós refúgio e força(Salmos 46, 1)

 

Tudo tem seu tempo. Há um momento oportuno para cada coisa debaixo do céu” (Eclesiastes 3, 1). À medida que passamos pelas várias etapas da vida, vivemos momentos de alegrias, conquistas, realizações, mas também de perdas, dor e sofrimento.

Diante da perda de um(a) filho(a) ou ente querido, sentimos nossa vida revirada, podemos até dizer que nos sentimos “sem chão” para continuar a viver. Somos tomados pelo sentimento de tristeza profunda, ansiedade, solidão e desamparo. A dor é tanta que se manifesta em sensações de aperto no peito, nó na garganta, falta de fôlego, de ar para respirar, falta de vontade de viver. Nossos pensamentos se acelerammuitas vezes confusos, perdemos o apetite, o sono, enfim, de repente nossa vida se transforma.

Numa mesma família cada um reage de uma maneira, e em tempos diferentes. Não só a dor da perda é grande como também o que ela nos causa. É importante nessa hora lembrar que não estamos sós, mas é preciso compreenderque cada um tem o seu jeito de sofrer. É importante dar tempo ao tempo.

Pode ser que surja a vontade de ficar sozinho, quietinho num canto, ou há quem sinta uma vontade frenética de falar e estar rodeado de pessoas, evitando sempre a solidão.

Precisamos buscar forças em Deus e lutar! É um momento que se não for vivido com muita fé em Deus, a dor pode nos paralisar.

Não é o caso de entender, aceitar ou não, mas de acolher no coração e seguir em frente. Isso exige muito esforço em todos os sentidos:espiritual, material, no âmbito pessoal, familiar ou social. A fé é a base que nos sustenta e nos impulsiona, sobretudo quando a dor bate em nossa porta. A fé aumenta em nós a esperança e “a esperança, com efeito, é para nós como uma âncora, segura e firme” (Hb 6,19).

O tempo, sem dúvida, se torna um aliado, porém cada pessoa reage de uma forma própria e particular. Não há como determinar o tempo certo para que essa dor amenize. Deus nos ama muito e nos quer firmes e perseverantes, por isso nos capacita, dia após dia. Aos poucos Ele nos envolve com sua paz, e a saudade, embora continue, já não mais desespera.

A certeza de que nossos filhos estão em Deus acalma nosso coração e nos impulsiona a continuar a caminhada, com fé e coragem.

Até que tenhamos cumprido nossa missão, muito há para se fazer. Quem sabe acolher o convite de Jesus para nos unirmos aos irmãos que necessitam de consolo e ajuda… Disse Jesus: “Nem mesmo o Filho do Homem veio para ser servido, mas para servir e dar a Sua vida em resgate de muitos” (Marcos 10,45).

Ó Mestre, fazei que eu procure mais, consolar, que ser consolado; compreender, que ser compreendido, amar, que ser amado.Pois, é dando que se recebe, é perdoando que se é perdoado. E é morrendo que se vive para a vida eterna.”(Oração de São Francisco).

A presença de Deus em nossa vida é que fará toda diferença. Longe de Deus só há desespero, angústia e aflição. “Deus é para nós refúgio e força” (Salmos 46, 1).

Regina Araújo

Anúncios

Escreva aqui o seu comentário, seu testemunho, seu pedido. Em breve, responderemos. Paz e Bem!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s