Nosso próximo encontro

Caríssimos,
 
Lembramos que neste mês de setembro nosso encontro será no próximo domingo, dia 16, iniciando às 14h45 com a oração do Terço da Misericórdia; em seguida teremos a Celebração Eucarística  às 15h00, e na sequência o momento de partilha. Especialmente neste mês rendemos graças a Deus pelos 3 anos de encontros do nosso Grupo de Reflexão “Filhos no Céu”.
Que Deus continue a nos capacitar para essa missão!
Fraternalmente,
 
 
               Grupo de Reflexão “Filhos no Céu”
                             Diocese de São José dos Campos
                                   www.filhosnoceu.org.br
          
Anúncios

4 pensamentos sobre “Nosso próximo encontro

  1. Dia 17/09, perdi meu filho Lucas, de 23 anos, em um acidente de moto. Ele ficou 6 dias internado na UTI, com traumatismo craniano. Sofri e sofro, mas qdo meu filho fez a segunda cirurgia, eu fui até a igreja e nos pés de nosso senhor jesus cristo e nossa mãe, entreguei meu filho a eles. Falei com Jesus, e disse que fosse feito a vossa vontade, que eu aceitaria, o que fosse melhor para meu filho…e naquela mesma noite Jesus o levou. Não existe dor maior….a saudade é imensa….vontade de abraçá-lo….de acariciá-lo…como é difícil. Mas o que sustenta é o poder do amor de Deus . Tenho mais dois filhos e estamos sofrendo muito. O mais novo de 10 anos está sofrendo demais. Peço orações de conforto aos nossos corações tão machucados…de tanta dor.
    Deus abençoe!!
    Maria Regina

    • Maria Regina,

      A paz do Senhor Jesus esteja com você e tua família!

      Lindo o seu testemunho de fé e de coragem. Pois, entregar o filho nas Mãos de Quem o criou, não é fácil, tarefa árdua, mas de um coração de mãe que deseja sempre o melhor à quem deu a vida.
      Maria Regina, tudo é muito recente, mas permita-se viver intensamente com a mesma fé que entregou o seu filho.
      Também, permita-se viver os 23 anos do seu filho e não permita-se viver os 6 dias da UTI.
      Os 23 anos de amor tem muito mais vida porque o teu Lucas a transformou em mãe, e transformou os seus outros meninos em irmãos.
      Nos parece uma vida curta, mas forte, porque na verdade é uma vida marcada pelo amor.
      Vide a tua dor e da tua família, pois sentem saudades do amor que partiu.
      Ver um filho prescindir um pai ou uma mãe é algo dolorido de se ver. Quanto mais no sentir.
      Essa dor é tão forte e tão profunda, que os caminhos para lhe dar com ela são poucos.
      Nos restam os caminhos do amor e da fé.
      O caminho do amor, nos traz gratidão pelo tempo do convívio, nos traz lembranças e memórias marcadas pelo sorriso e pelo presença concreta no coração.
      O caminho da fé está alicerçado na esperança. Na esperança de um filho que não morreu e sim passou para o outro lado da ponte. A esperança de que a ressurreição é de fato algo real. A esperança de que Deus está do nosso lado e não nos desampara.
      Somente o amor e a fé poderão transformar nossa nova companheira chamada dor em missão.
      Um missão confiada por Deus que não nos abandona e nem nos desampara. Porque ama todos os seus filhos, assim como os que moram com Ele na eternidade, assim como nós também.
      Somente no amor somos capazes de viver essa dor.
      Sinta-se em nossas orações, e também a sua família, pois vocês encontram-se sobre o altar que os pais do Grupo Filho no céu, montaram em seus corações.

      Deus a abençoe e ilumine vossa família.

      Eliete Gomes

  2. Prezada Ednira,

    A paz do Senhor Jesus esteja com você!
    Esse espaço foi feito para desabafar.
    Você poderá sermpe falar da sua dor, de suas lágrimas, da sua saudade, mas também falar do seu amor e da sua esperança.
    A ausência do filho traz saudades, uma saudade diferente que chega a doer no físico.
    Uma dor avessa ao nascimento físico é a partida do filho para o eterno.
    Por isso é muito importante para que tudo fique tranquilo, mesmo no sofrimento, o sentimento do amor, pelo filho que partiu, prevalecer em nossos pensamentos.
    A esperança é uma súplica da vida do filho para continuar vivo em nós.
    E por amor ao filho, manteremos sempre as chamas da fé e da esperança acessas.
    Você sempre será mãe do Richard Kennedy, será eterno isso em você e nele, que hoje encontra-se junto ao Filho Eterno, Nosso Senhor Jesus Cristo.
    Nos momentos de angústia e solidão fale com Deus, Ele te ouve e te acolhe. Tenha Deus sempre em seus momentos de dor e até de alegria, quando lembrar o dom do sorriso do seu menino.
    E confie que o seu Richard intercederá sempre por você.
    Estamos aqui para te ouvir. Conte com nossas orações.

    Deus te abençoe profundamente.

    Eliete Gomes

  3. nossa encontrei um meio de desabafar com quem passou por minha dor meu querido filho richard kennedy de 9 anos no dia 6 de abril de 2011 foi morar com deus deixando uma imensa dor ainda tenho um casal de filhos que tenho que cuidar e e por eles que eu suporte tanto sofrimento nao e facil mais ei de superar pois cada dia que passa so piora a ausencia dele …filho te amo omde quer que esteja sempre vou te amar.

Escreva aqui o seu comentário, seu testemunho, seu pedido. Em breve, responderemos. Paz e Bem!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s