Reflexão de novembro de 2012

REFLEXÃO DO MÊS

 

Novembro de 2012

 

“ Vós me ensinais vosso caminho para a vida..” (Sal 15)

 

Novembro é o mês do <Caminho para a vida>. O tempo no qual Jesus nos convida a estender o nosso olhar para além dos tempos limitados e restritos da nossa vida presente, para além da dor e dos sofrimentos do momento, para além da Sua/nossa cruz, para experimentar já, aqui e agora, o futuro que nos espera, a Sua vinda na glória, quando Ele aparecerá em todo o Seu esplendor e  Sua potência e a Sua/nossa Cruz revelará o seu brilho deslumbrante, quando poderemos abraçar novamente com alegria infinita os nossos filhos que nos precederam no Céu. Através de uma visão apocalíptica, Jesus nos indica o <caminho para a vida>, não tanto para anunciar um fim do mundo próximo, como pode parecer numa primeira leitura, mas para ensinar-nos a reconhecer os sinais dos tempos e o sentido profundo que subentendem, mas sobretudo para aprender decifrar a Sua presença consoladora em todos os acontecimentos da história e da nossa vida pessoal, mesmo em um evento assim obscuro como a morte de um filho. De fato, além da dor da separação e da perda, é fácil que um pai/mãe se encontre confuso e amargurado, desiludido pela fé que tinha posto em Céus, para a proteção que pretendia para o filho. Com a sua morte, no entanto parece inútil, até mesmo o amor e o cuidado com o qual o tinha feito crescer, parece desperdiçado. Antes a mesma cruz de Cristo pode ser posta em dúvida e aparecer verdadeiramente impotente, ineficaz, diante da morte.

<Não temas>, assegura Jesus, <orai>, <não vos deixeis enganar>, <estejais atentos>, <não creiais nos falso profetas>, <saibais que Ele está próximo, às portas> do coração e bate… Antes de vos abandonar-vos à angústia e ao desânimo, tenhais confiança em mim, na minha Presença constante, nas minhas promessas: <O céu e a terra passarão, mas as minhas palavras não passarão>. Ele venceu a morte! E se Ele é a nossa Estrela guia, já aqui e agora, estamos também em comunhão com os nossos filhos amados, a morte não é mais o fim, mas o nascimento no Céu.

Refletindo e rezando

Cristo è o meu ponto de referência, o Caminho para a vida? Consigo reconhecer os sinais dos tempos e o sentido profundo que subentendem? Estou esperando sinais extraordinários, uma visão apocalíptica da vinda de Cristo sobre as nuvens do Céu ou sei ver a sua Presença consoladora em todo momento quotidiano? Está comigo também nos momentos mais difíceis e dolorosos? Peçamos a Maria, nossa Mãe Consoladora para ensinar-nos a percorrer com fé e segura esperança os caminhos do Senhor, para saber viver de modo extraordinário a vida ordinária.

Por Andreana Bassanetti (extraído e traduzido da página www.figlincielo.it)

Anúncios

Escreva aqui o seu comentário, seu testemunho, seu pedido. Em breve, responderemos. Paz e Bem!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s