Alguém a quem amamos se tornou eterno

“Não há palavras para expressá-la. Não há livro que a descreva. Por isso, o melhor jeito de consolar é falar pouco, orar junto, sentir junto e estar presente, cada um do jeito que sabe.

Palavras não explicam a morte de alguém querido.

Quando o outro morre, parte do mistério da vida vai com ele. A parte que fica torna-se ainda mais intrigante.

As perguntas insistem em aparecer e as respostas não aparecem claras. Dói, dói, dói e dói…

Então a gente tenta assimilar o que não se explica. Cada um do jeito que sabe.

Um dia nos veremos de novo… enquanto este dia não chegar, entes que eu amo sei que me ouvem e oram por mim, lá, junto de Deus.

Para eles a vida tem, agora, uma outra dimensão. Alcançou o definitivo.

Quem fica perguntando e sofrendo somos nós. Mas como a vida é um riacho que logicamente deságua, a nossa vez também chegará e, quando isso acontecer, então não haverá mais lágrimas.

As que aqui ficaram chorando, terão a sua explicação. Por enquanto, fica apenas o mistério.

Alguém que não sabemos por que nasceu de nós e por que cresceu em nós, por que entrou tão de cheio em nossa vida, fechou os olhos e foi-se embora.

Quem ama de verdade não crê que se acabou. A vida é uma só: começa aqui no tempo e continua, depois, na ausência de tempo e de limite.

Alguém a quem amamos se tornou eterno.

E essa pessoa já sabe quem e como Deus é. E também sabe o porquê de sua partida. Por isso, convém falar com ela e mandar recados  a Deus por meio dela.

Definitivamente, não estamos sozinhos, por mais que doa a solidão de havê-lo perdido. Mas é apenas por pouco tempo.

Quem amou aqui, sem dúvida, se reencontra no infinito…”

(Pe. Zezinho, scj – do livro: Orar e pensar como família)

Anúncios

6 pensamentos sobre “Alguém a quem amamos se tornou eterno

  1. Querida Stela,
    Realmente a sabedoria transborda do coração do pe. Zezinho. Ele fala diretamente aos nossos corações, como se nos conhecesse e soubesse da nossa dor.
    É bem isso mesmo, a gente tenta assimilar o que não se explica. E somente pela fé, pela graça e misericórdia de Deus vamos seguindo em frente.
    Como está escrito, quem ama de verdade não crê que se acabou.
    Nossa fé é linda! Ela ensina que o fim na verdade não é o fim, mas o começo de uma nova vida. Claro que nossa humanidade sofre porque falta o contato físico. A saudade é isso, essa falta absurda, mas nosso coração sente a presença dos nossos filhos. Sabemos que eles caminham conosco, não é mesmo? Afinal, Alguém a quem amamos se tornou eterno!
    Vamos seguir o conselho acima e mandar, por nossos filhos, recadinhos para Deus.
    Que Ele nos sustente, nos capacite, nos console e nos permita sermos dignos desse reencontro tão maravilhoso, reservado para todos que forem fiéis até o fim. A missão é dura, mas o prêmio é certo, é Cristo que nos garantiu!
    Amiga, “ A vida iniciada aqui, continua, na ausência de tempo e de limite. Quem amou aqui, sem dúvida, se reencontra no infinito…” Essa certeza é mais uma beleza e riqueza da nossa fé!
    Você é muito especial para nós. Te amamos muito!
    Beijos no coração.

    Regina

    • Regina, eu amo vcs tanto e lamento a distância e a falta de recursos para estar mais presente.
      Reza daí que eu rezo daqui…
      Que o brilho do sorriso da Renatinha e do olhar do Renan, continuem sendo luz nas nossas vidas!

  2. perdi meu filho agnaldo arigone junior no dia 23/09/2014 com apenas 20 anos de idade. ainda estou muito triste e tentando entender o pq? aceitar a vontade de DEUS. ENTREI neste site por acaso; procurando palavras de conforto e consolo para essa eterna tristeza. e estou encontrando com vcs. agradecida ; mae sueli

    • Cara Sueli, a Paz de Jesus esteja com você!

      Entender o por que, talvez enquanto humanos não alcançaremos esse entendimento. É mistério de Deus. Como diz o texto acima, “a gente tenta assimilar o que não se explica”, mas se vive pela fé. É somente pela fé que se percorre esse duro caminho, na certeza de que um dia, na glória de Deus, nos veremos novamente.
      Sinta-se acolhida e abraçada por cada um de nós. Entendemos e conhecemos sua dor, e nos unimos a você em orações.
      Conte sempre conosco e venha nos visitar sempre que desejar. Esse espaço foi desenvolvido para nos aproximar, para nos tornar uma grande família que chora, reza, ama e caminha em comunhão com os filhos que já estão no Céu.
      “Um dia nos veremos de novo.. enquanto esse dia não chegar, entes que eu amo sei que me ouvem e oram por mim, lá, junto de Deus”. Confie que seu querido Agnaldo, na presença de Deus, intercede por você para que você consiga, apesar de toda dor, cumprir sua missão.
      Guarde sempre essa frase em seu coração: “Alguém a quem amamos se tornou eterno.”
      A vida, que começou aqui, continua. “Quem amou aqui, sem dúvida, se reencontra no infinito”.
      Deus a abençoe infinitamente. Que Nossa Senhora, Mãe da Consolação, te cubra com seu manto sagrado e te faça sentir a paz que vem do coração de Jesus.
      Grande abraço. Conte sempre conosco!

      Regina

      • Que bom poder conversar,desabafar e obter respostas de vcs.Realmente, enquanto humanos não conseguiremos entender o pq dessa separação que nos faz tanta, mas tanta falta.Ainda preciso de mais tempo para poder melhorar e aceitar os mistérios de DEUS. Estou tentando e peço encarecidamente que me fortaleçam em ORAÇÃO.
        agradecida,
        sueli

  3. A sabedoria e o amor do Pe. Zezinho, trazido pelo coração fraterno da Regina para acalentar e encher de esperança e fé nossos dias de tanta saudade!!!

Escreva aqui o seu comentário, seu testemunho, seu pedido. Em breve, responderemos. Paz e Bem!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s