A dor da perda de um filho

Certa vez ouvi dizer que na adversidade Jesus toma conta de todo nosso ser, de fato isso aconteceu comigo no dia 11 de outubro de 2008. Nesse dia recebi uma notícia que nenhuma mãe gostaria de ouvir, ou seja, que meu filho acabara de falecer em um acidente de moto. Naquele momento senti meu coração esfriar e ao mesmo tempo, medo, insegurança, dúvidas, e por fim tristeza tomaram conta da minha vida. Depois de algumas horas veio a confirmação de que realmente meu filho havia partido desse mundo e junto dele muitos projetos ao qual ele planejava e eu também como mãe sonhava para ele,simplesmente pararam no tempo.

A dor de não poder mais ver meu filho falar, sorrir, abraçar- me, colocar- me em seu colo, levar- me para passear, enfim não aconteceria mais. Eu não conseguia ficar em pé diante da dor que parecia me consumir e nem mesmo sequer ouvir o que as pessoas falavam para mim naquele momento. Restava- me apenas segurar a camisa de meu filho junto a meu rosto, como que em dado momento o substituísse, e chorar deitada em uma cama pois uma parte de mim também partira junto com ele. Mas como o Senhor não nos abandona nunca, eis que uma pessoa veio ao meu encontro, envolveu- me em seus braços, e disse aos meus ouvidos com autoridade que Jesus lhe concedia a seguinte frase: Assim como minha mãe ficou de pé diante de meu sofrimento, você vai ficar de pé diante de seu sofrimento, pois como filha escolhida, sentirá meu amor preencher o espaço vazio deixado em seu coração com a partida de seu filho. Sem dúvida alguma senti naquele momento, Jesus e Maria segurarem-me pelas mãos e conduzirem- me para o que seria o último momento de uma mãe diante de seu filho,que já se encontrava nos braços do Pai.

Minha dor só não foi maior que a de Nossa Senhora, que assistiu de perto todo o sofrimento de seu filho Jesus, horas antes dele morrer. Graças a Deus que teve compaixão de mim, não permitindo que meu filho sofresse. Uma frase citada na música da Adriana ( Canção Nova ) guardo em meu coração. “Lágrimas doem pra valer, mas sempre há de prevalecer. Toda vontade do Senhor presente em minha vida.” Agradeço a Jesus por ter enviado uma pessoa para ficar a meu lado durante todo tempo em que fiquei diante de meu filho, pois o Senhor quis precisar dela para amenizar minha dor, dizendo tudo aquilo que o Espírito Santo queria que eu ouvisse, para que eu ficasse de pé, conforme havia anunciado.

Meu filho foi sepultado e nossa separação foi consumada apenas fisicamente, pois ele permanece vivo para sempre em meu coração, da mesma forma que Jesus e Maria também. Sinto isso, pois na manhã seguinte ao contemplar um novo dia que surgia, perguntei ao Espírito Santo se meu filho Rafael estava feliz diante de sua nova morada, queria uma resposta concreta através de algo que pudesse ver. No mesmo instante próximo a janela de meu quarto pousou um pássaro, muito bonito por sinal, que ficou olhando para mim durante alguns minutos o suficiente para que sentisse uma paz muito grande e tivesse certeza de que minha pergunta fora respondida.

Obrigado Senhor por viver a sua palavra no evangelho de João Cap. 11 Versículos 25-26. Disse- lhe Jesus: “Eu sou a ressurreição e a vida. Aquele que crê em mim ainda que esteja morto, viverá. E todo aquele que vive e crê em mim, jamais morrerá “ .

A paz de Jesus e todo amor de Maria estejam com vocês.

Autora: Gláucia, irmã do Émerson da Danielle

1.170 pensamentos sobre “A dor da perda de um filho

  1. Oi, boa tarde, procurando alguma coisa que me ajudase a amenizar minha dor , encontrei esse espaço, olha perdi meu filho de 19 anos, trabalhador e começando a conseguir suas coisas, foi assassinado, não sei porque é nem por quem, já se passaram 6 meses, e até hoje não consigo me confirmar, a saudade, a dor é muito grande, e tem dias que fica mais difícil dainda, não consigo sair pra passear, quando faço isso ,fico mais triste andar, quando vejo as pessoas alegres e lugares bonitos lembro muito do meu filho, ele era muito alegre e gostava de se divertir.Outra coisa que dói muito é a impunidade de criminosos e assassinos.Hoje tá muito difícil tá doendo muito já chorei bastante e meu esposo também, orem por nós , meu esposo não é de falar muito mais percebo que está com os olhos vermelhos .

    • Querida Valbia!

      A paz do Senhor Jesus e o amor de Maria estejam com você e o seu marido!

      Seja bem vinda a essa família, Grupo Filhos no Céu, sinta-se acolhida por todos. A Graça da partilha faz com que o fardo da dor seja dividido, assim pode vir nos visitar quando quiser.
      A dor da partida de um filho já por si só dói em uma intensidade que somente quem passa para falar que compreende um pouco daquilo que você e o seu marido estão passando.
      E quando sabemos que nossos jovens estão partindo por consequência da violência do mundo isso nos causa além de toda dor um constrangimento relacionado a um sentimento de abandono, pois sentimos como se não houvesse ninguém por nós.
      Mas há, e é Deus, Ele sim é por nós, e Nele passamos a confiar com mais afinco, talvez não cheguemos a saber quem comete essa violência contra quem amamos, mas o nosso conforto está em saber que Deus está a frente de tudo, cuidando do filho que partiu, e observando a quem fez isso, e de nós cuidando com a Graça e o dom da Consolação, na fé e na esperança. Deus não deseja que um jovem parta deste mundo vítima da violência, mas Deus cuida de todas as coisas, com o olhar de Pai misericordioso que é.
      A Deus nos entregamos neste momento de saudade, onde ela por vezes, fica assim como disse que está hoje, mais forte. A Deus nos entregamos no momento onde a revolta nos faz questionar por todos os acontecimentos, e em todos esses momentos a certeza que temos ao perceber os sinais é de que Deus cuida.
      É uma inversão dos fatos, do que chamamos inversão da ordem natural das coisas, ou seja, eramos nós que deveríamos cumprir a nossa missão primeiro e partir.
      Mas foi o inverso, eles, os nossos filhos, de uma forma intensa viveram neste mundo, construíram a ponte que os ligam à eternidade primeiro do que nós e assim, partiram.
      E agora o que nos resta? É cumprir essa missão também, mas a vida nos exige um pouco mais do que o natural, ela nos exige organizar nossas dores e seguir em frente, entre lágrimas, e sofrimentos, mas seguimos em frente até o momento onde seremos nós chamados para partilhar do que os nossos filhos já vivem que é a beleza da vida eterna, da vida que se vive a felicidade plena, nossos filhos partilham para uma vida que nunca se acaba e onde a violência e as dores deste mundo não se aproximam, nossos vivos vivem no lugar para o qual fomos criados, que é a vida com Deus, em Deus.
      Valbia, um filho é sempre um dom, porque nos faz amar, e quando o vimos partir ficamos aqui com o amor que não pode tocar mais, porém, é por esse amor que vamos seguir, olhando para o céu, porque é lá que está o nosso futuro, é no céu que está parte de nós.
      Então, no agudo da sua dor, pense sempre no amor que sente, e que esse amor vem de Deus e volta para Deus, porque é lá que está a quem muito amamos e que partiu. Nosso amor é o que nos ensina a viver os próximos dias de nossas vidas com esperança e fé.
      Ao sair de nossas casas, vamos aprimorando o nosso olhar amoroso, vamos olhando as pessoas e suas alegrias com amor, um amor misericordioso, olhando o mundo com amor, pois se por falta de amor, temos que passar pelas violências, nossas ações amorosas pode nos ajuda a fazer do mundo um lugar um pouco melhor. Mas lembrando que o lugar perfeito para se viver é onde nossos filhos se encontram que é o céu.
      Valbia, estamos unidos a você, ao seu marido e toda a sua família em orações, e hoje, como tem um anjo no céu, intercedendo por vocês diretamente, peça em oração ao seu filho para que ele interceda junto a Jesus pelos pais que sofrem porque seus filhos também são vitimas da violência.

      Deus esteja com vocês, os abençoando profundamente,

      Abraços fraternos,

      Eliete Gomes

    • Mãe, tenha fé, pois ele já se encontra no colo no nosso Pai, e chore sim mais não deixe de orar, pois a verdade sempre aparece, o meu filho foi assassinado e depois jogaram fogo no corpo dele ele era advogado criminal, no morro próximo a minha casa no dia 22/12/15, estou inconformada pois corri muito , na policia, no morro e na OAB, hoje já se passaram um mês e seis dias, e ainda não obtive respostas nem uma e olha, dei a planta toda para a policia. O meu filho tinha 26 anos, eu e meu marido estão lutando um dia pelo outro, mais nada amenizar a dor da perda de um filho, o que nos resta agora é continuar na oração, pois creio que a alma deles ficam revoltados e para eles encontrarem a luz, temos que pedir que Deus o resgate e dando paz ao nosso coração e perceber nos mínimos detalhes quando um pássaro ou uma borbolete ou até mesmo um cachorro te responde quando conversa com Deus ´pois ele envia o Espirito Santo para amenizar um pouco a nossa dor.

    • Filha estarei orando por ti que o espírito santo de Deus te console ,Deus colheu uma rosa do jardim está lá no céu com o nosso Jesus ,que Deus te de forças irei orar por ti,hj vi de um enterro mataram um filho de uma amiga irmã em Cristo ele tinha treze anos doi mais que Deus te console fica na paz de Cristo .

  2. Como é difícil viver sem aqueles que amamos. Peço a Deus sempre a fortaleza para mim e para todas as mães que vivem esta realidade. Só em Cristo devemos colocar a nossa esperança e acreditar que iremos reencontrar aqueles que amamos. Meu filho também foi morar com Deus,no meu humano nunca vou entender como um jovem tão bom pode sofrer uma violência daquela,porque Deus permitiu.

  3. Queridos, que a paz e o amor de Jesus se esparrame em nós!!!
    Esses dias estão cinzentos, onde a saudade aperta bastante.
    Gostaria de partilhar com todos, o que tem me acalentado.
    Abraços a todos!

    • Querida Stela,

      Muito obrigada por essa mensagem, é sempre bom lembrar que Deus Se apresenta de muitas formas, mas Ele não deixa nunca de Se apresentar e nos mostrar que os sinais ainda acontecem.

      Deus te abençoe,

      Eliete

Escreva aqui o seu comentário, seu testemunho, seu pedido. Em breve, responderemos. Paz e Bem!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alteração )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alteração )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alteração )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alteração )

Conectando a %s